Pesquisa Airbnb: Entrevista em profundidade: recomendações para a condução da entrevista

Prof. Me. Ubiratam de Nazareth Costa Pereira

05/10/2016

Link para download: https://drive.google.com/file/d/1IjN6Fo-xkp7ntBibqA8SlGpebmGYzZ4Z/view?usp=sharing

Recomendações para a condução da entrevista

  • Preparar o esquema para registrar os dados, podendo se utilizar gravações, com a devida permissão do entrevistado, testar os programas e equipamentos previamente;
  • Elaborar uma agenda com dia, hora e local para realização das entrevistas;
  • O roteiro de entrevistas é um instrumento do pesquisador, não devendo ser apresentado ao entrevistado, pois ele, ao ler o roteiro de perguntas, pode ter suas respostas influenciadas;
  • Organizar o lugar, o momento e os meios para realizar a entrevista para evitar interferências positivas ou negativas na obtenção das respostas;
  • É sempre conveniente informar o entrevistado sobre o objetivo da entrevista e o uso que se dará a ela;
  • O entrevistador deve demonstrar interesse pelas reações do respondente;
  • É indispensável não fazer perguntas de forma tendenciosa ou induzindo uma resposta;
  • Escutar atentamente, pedir exemplos e fazer uma pergunta de cada vez;
  • É recomendável não pular abruptamente de um tema para o outro;
  • Cada entrevista é única e crucial, e sua duração deve manter o equilíbrio entre obter a informação de interesse e não cansar o entrevistado;
  • Sempre deve-se demonstrar ao entrevistado a legitimidade, seriedade e importância do estudo e da entrevista;
  • O entrevistado deve ter sempre a possibilidade de fazer perguntas e tirar suas dúvidas. É importante fazer com que ela saiba disso
  • A respeito da ordem das questões feitas aos entrevistados: deve-se manter sempre a mesma ordem em todas as entrevistas e, mesmo que o entrevistado tenha se adiantado em algum tema, também deve-se evitar antecipar as questões do roteiro, pressupondo que ele já a tenha respondido, mantendo o mesmo padrão em todas as entrevistas, isto facilitará comparações no momento das análises.
  • No caso de roteiros semiestruturados, mesmo tendo ciência de que cada entrevista é única, e na grande maioria das vezes é impossível a sua revisitação por parte do entrevistador, possíveis abordagens que não façam parte do roteiro, ou surjam no diálogo entre entrevistador e entrevistado, e sejam relevantes para o conteúdo da pesquisa, na medida do possível, também devem ser abordados na mesma sequência nas demais entrevistas. Isto sugere que o entrevistador deve estabelecer os limites que esses temas devam abranger, evitando ser prolixo no diálogo.

Tecnologia

  • Verificar carga da bateria.;
  • Verificar espaço disponível no smartphone;
  • Desabilitar a proteção de tela;
  • Colocar no modo avião
  • Testar a sua afinidade com o aplicativo de gravação do áudio.
  • Se possível utilizar mais de um dispositivo.

Compartilhe este post